Fotonovela Acabou em Pizza…

O projeto de criarmos uma fotonovela nasceu a partir de dois trabalhos anteriores. O Grupo Pauliceia havia realizado um Programa de Rádio que tinha na grade de programação uma novela radiofônica em 5 capítulos: a Novela “Desfecho Fatal”, que foi o projeto inspirador da Fotonovela “Acabou em Pizza”. Já o texto, a narrativa, a história, os diálogos da fotonovela tiveram como ponto de partida um projeto intitulado “Eram 2 horas da manhã”, cujo objetivo é a construção conjunta da escrita: a partir de um mesmo início – Eram duas horas da manhã – as mais diversas narrativas se desenvolvem na alternância de autores/escritores que, ora um, ora outro, vão sucessivamente tecendo a trama e construindo o texto.

A Fotonovela “Acabou em Pizza” foi escrita a vinte mãos pelos participantes do Grupo Pauliceia: Amor – escreveu a Cleide – eu tenho uma notícia – continuou o Madeira – estrondosa – propôs a Antonietta.

»TEXTO ORIGINAL DA FOTONOVELA

Os personagens ganharam nomes e também um perfil com características da personalidade de cada um, discutidas a partir dos diálogos do texto criado pelo Grupo. Se Cecília sugere ir à festa nua e se sua vizinha Marina se nega a tal, Cecília só pode ser extrovertida, enquanto Marina é tímida e mais recatada.

Texto pronto, diálogos e personagens definidos. Mas, como transformar o que é texto em Fotonovela? Quem fará o papel de Cecília e de Epitácio, de Marina e de Adilson? Quem vai fotografar quem? Na execução do Projeto, contamos com o conhecimento e a experiência de Lucas Longo (do iai – Instituto de Artes Interativas). Ele sugeriu vários caminhos e possibilidades: usar a ferramenta Google da internet para pesquisar pessoas com os nomes de nossos personagens. Mas a Bia observou que nós precisaríamos da foto desta pessoa em situações as mais diversas, usando mímica facial, expressão corporal e gestos que necessariamente combinassem com as falas dos personagens. E então a grande ideia: por que não usar atores e atrizes conhecidos cujas fotos na internet (imagens) são inúmeras e os revelam em situações as mais diferentes? Foi o que o Grupo decidiu fazer. Pelo perfil de nossos personagens, a escolha recaiu sobre Fernanda Torres (no papel de Cecília), Luís Fernando Guimarães (como Epitácio), Maria Clara Gueiros (no papel de Marina) e Eri Johnson (como Adilson). E foi muito divertido escolher em qual de suas fotos Fernanda Torres poderia estar dizendo Tem gente aí Epitácio… quem será? ou Uau!!! Aumenta o som Epitácio!!!!!

Depois, os balões de fala. Aprendemos que tudo é relevante para que a escrita ganhe voz na Fotonovela. Formato e tamanho dos balões, pensamento ou fala em voz alta, cor de fundo, preenchimento, bordas dos balões, distribuição na página. Tipo e tamanho da fonte. Cor da fonte. Fontes diferentes na mesma palavra. Recursos como itálico e negritado, caixa alta e caixa baixa. Uso da pontuação. O texto escrito se reveste de ênfase, ironia, alegria, timidez, deboche.


Divirta-se com a Fotonovela do Grupo Pauliceia!

Conheça mais sobre a concepção, o desenvolvimento e a execução deste Projeto do Grupo Pauliceia – Fotonovela “Acabou em Pizza” – assistindo ao vídeo com cada uma das etapas do processo de feitura da Fotonovela.

 Grupo Pauliceia: Fotonovela Acabou em Pizza...


Conheça os projetos do Grupo Pauliceia:

» Rádio XYA-2: A Voz do Pauliceia

» Cozinha Experimental da Memória

Voltar ao Topo